7

LEITORES 30 MINUTOS COM UM ESTRANHO

LEITORES 30 MINUTOS COM UM ESTRANHO

23/02/2016

Entrevista: Escritora Merari Tavares

Entrevista: Escritora Merari Tavares


Merari Tavares nasceu em São Paulo, em 7 de agosto de 1990. 
Com apenas treze anos rascunhou seu primeiro livro. Musicista.
 É Graduada em Letras, licenciada em Língua Portuguesa e
 Língua Inglesa, pela FAAT – Faculdades Atibaia e, Produção Editorial
 - UNIL - Universidade do Livro.

                


O que você faria se você estivesse na pele de Karry?
Karry é uma jovem com tudo de bom na vida: família, namorado, amigos e,
de repente, por um deslize, impulso, se envolve com um cara que mal 
conhece na vida, recebe um convite e embriagada, acaba engravidando, 
e claro, perde o grande amor de sua vida, o seu namorado. Pois um rapaz 
honesto jamais iria aceitar uma traição dessas, ainda mais, se tornar pai
 de um filho que nem é seu! Sem contar que, os amigos também acabam 
se afastando, devido à situação.
Uma jovem que tinha um futuro brilhante pela frente, em fração de segundos,
perde tudo o que a vida lhe ofereceu de melhor, simplesmente porque não 
teve cautela, agiu por impulso. 



Minha Namorada Virtual é um livro que envolve uma história romântica de dois 
jovens que se conhecem  pela internet.
Quem nunca conversou ou conheceu alguém 
 pela internet e, até mesmo chegou a dizer
que estava namorando virtualmente?
Quando os colegas lhe perguntaram: “Você namora?”, respondeu algum dia:
“Sim, namoro. Conheci um rapaz pela internet. Conversamos todos os dias 
 pelo MSN e até  pelo telefone. A voz dele é tão linda...".
Será que você nunca vivenciou uma cena dessas?! Até mesmo  você, que é 
casado(a), nunca ficou tentado (a) em acessar um site de bate-papo e teclar 
com alguém? Imagino que sim, pois muita das vezes, a internet nos faz 
cosquinhas e a emoção fala mais alto.
Muito bem! [...]

Olá, como vai? Será um prazer entrevista-lá aqui no blog!
Olá, Michael! O prazer é todo meu. É uma honra ser entrevistada por você.

Qual é a maior dificuldade de ser uma escritora?
A maior dificuldade em ser uma escritora é conseguir um espaço no mercado.
Ser escritora é uma profissão como qualquer outra. Exige dedicação, persistência,
paciência, e também, investimento. É necessário investir em seu trabalho, 
na divulgação da sua imagem, dos seus livros, para que de alguma forma, 
você alcance o público e se torne conhecida pelo mercado. O segredo é nunca
desistir e abandonar seu maior sonho.
Se porventura você tem o sonho de se tornar médico, vá em frente. 
O mesmo ocorre com a carreira de escritora.

Você tem algum escritor ou escritora que lhe serve de inspiração?
Com certeza, eu tenho sim! Pedro Bandeira foi um dos autores que na infância
me fez apaixonar pela leitura. Contudo, foi na época da febre do Harry Potter, 
que eu investi na escrita e vi que também poderia me tornar  escritora.
São vários autores que me inspiram: Nicholas Sparks, Danielle Steel.
Hoje, inclusive, os autores nacionais, tais como: Tammy Luciano, Adriana Brazil,
José Araújo etc.

Existem muitos preconceitos em relação aos livros nacionais?
Olha, já existiu muito preconceito em relação aos livros nacionais, porém, hoje 
em dia os livros nacionais estão em alta no mercado. As editoras estão dando 
mais prioridade e valorizando os autores nacionais.


Ainda se lembra da primeira história que escreveu?
Sim. Em me lembro, embora eu a tenha perdido. Lembro-me como se fosse ontem.
Eu me sentei diante do computador, e ali comecei a digitar os primeiros parágrafos
sem nenhuma dificuldade. Era como se a história surgisse em minha mente como 
um filme.

Existem planos para a próxima bienal?
Sempre existem planos, não é mesmo? (risos). Com certeza pretendo marcar presença este
ano na Bienal de São Paulo novamente, minha cidade natal.

Está escrevendo algum livro?
Sim. Estou trabalhando num novo livro. Neste livro estou focando no público 
adolescente. Quero trabalhar bem a questão da família, drogas, enfim, alertá-los
sobre a importância de uma boa conduta e sobre influência das más companhias.

Você se inspira muito em algo ou alguma coisa para escrever?
Eu me inspiro muito na vida e nas pessoas. Sou muito observadora. Minhas obras 
são sempre baseadas em histórias reais. Procuro sempre fazer com que de alguma 
forma, o leitor se identifique com a história, e até mesmo, que a escrita sirva de
conselho ou lição para alguma decisão que os meus leitores tenham que tomar em 
determinado momento de sua vida.

Qual o maior perigo de uma escritora?
Nunca parei para pensar no maior perigo de ser uma escritora. Não acredito que seja
tão perigoso assim. (risos). Nós escrevemos, e quando uma obra se torna pública,
devemos estar abertos para as críticas e elogios.

Tinha planos de infância para outra carreira tirando escritora?
Na infância eu tinha desejo de ser veterinária, mas com o passar dos anos, como
nunca gostei de ver os animais sofrerem, e nem ver sangue e presenciar a morte 
de algum animalzinho, acabei desistindo.

Há algum lugar que você mais gosta de sentar e começar a escrever?
Gosto do meu cantinho, meu escritório, tudo muito silencioso. Contudo, sentar-se
ao ar livre diante de uma belíssima paisagem, não é nada mal. Ajuda na inspiração.

Como você encara as críticas de seus livros?
Eu as encaro numa boa. Acredito que um escritor deve ser o maduro suficiente para 
aceitar as críticas, assim como elogios. E nesta vida, as críticas são importantes, pois 
nos levam a refletir em algo que possamos melhorar futuramente.

Quais livros que você mais gostou como leitora?
Gostei de todos os livros da série da Adriana Brazil, “Foi Assim que Te Amei”
(Primavera de Cores etc.); Cinco Dias em Paris (Danielle Steel); Escândalo (Tammy
Luciano); O Casamento (Nicholas Sparks); Haras – Uma História de Amor (José Araújo).

Diga o que vem na sua mente: Deus
essencial em minha vida.

Amor
sentimento sublime em nossas vidas.

Sonho
nada melhor do que vê-lo realizá-lo.

Dinheiro
de suma importância. Porém, mais vale a saúde e família do que o dinheiro em mãos.

Muito obrigado pela sua presença, tem algo que gostaria de dizer aos leitores?
Eu quem o agradeço pela rica oportunidade de poder compartilhar um pouquinho 
do meu trabalho com vocês.Aos meus leitores, espero que em minhas obras vindouras,
a leitura lhes proporcione viajar e conhecer o outro lado do mundo.
Um grande beijo,Merari Tavares.


Desenvolvido por: Cantinho Kawaii | Base de Menu: Mundo Blogger | Cabeçalho: Elaine Gaspareto.